Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Etiquetas:

Revivalismo literário

ELE-ESTA-BACK.jpg

Numa altura em que os líderes políticos parecem não ser tão carismáticos como os de outrora, a literatura vira-se para o revivalismo, respondendo, sob uma capa de humor, às pretensões daqueles que gostariam que líderes antigos governassem hoje. Por cá, temos o famoso “no tempo de Salazar...” figura que aliás, foi eleita como “O Grande Português”.  Primeiro foi o alemão Timur Vermes a ressuscitar Hitler. Em Ele Está de Volta, de 2012 (daria em filme em 2015), Vermes imagina que o ditador acorda num terreno baldio em Berlim, em pleno 2011, e decide voltar ao poder. Quase sem querer, apenas sendo ele próprio, torna-se numa vedeta do Youtube e acaba por voltar à política. Claro que ninguém acredita que ele é ele mas sim que é um ator ou comediante. Ainda assim, leva a sua avante. Aqui, a comédia disfarça o medo atual do regresso ao poder de movimentos nacionalistas e faz a caricatura de como um novo Hitler poderia tornar-se numa vedeta e ser aceite.

9789720048394.jpg

Este ano, Romain Puertolas edita Re-viva o Imperador, trazendo Napoleão à vida. Aqui, Napoleão e o seu cavalo teriam sido conservados num grande bloco de gelo durante 200 anos. Em 2017, um pescador norueguês dá de caras com o bloco e depois de descongelar o pequeno grande governante, leva-o de avião até França, onde uma obscura organização revivalista espera o Imperador. Mas Napoleão tem planos próprios e, viciado em Coca-Cola (que apelida de champanhe preto) e vestido com uma t-shirt de Shakira, calças slim fit e ténis Converse, arquiteta um estranho plano para salvar a França do terrorismo. Aqui o inusitado é mais claro; as pessoas que com ele convivem acreditam no seu regresso e esse regresso não se torna nunca público, fazendo de Bonaparte, uma espécie de James Bond. Puertolas não mantém o fulgor nem a originalidade de A Incrível Viagem do Faquir que Ficou Fechado num Armário Ikea mas como Vermes faz o alerta para os perigos do radicalismo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

18.07.17






Barbearias & Cabeleireiros

GENERALISTAS

FEMININOS

MASCULINOS





aRmário

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D